domingo, 12 de julho de 2009

Os Samurais Dragão





Entre o século VIII e o XV os samurais (武士) ou bushi atuavam como soldados da aristocracia feudal japonesa, ocupando cargos militares e o mais alto status social. Desde pequenos, eles eram treinados militares a partir das artes marciais e educados a partir do Bushido (O Caminho do Guerreiro) - O rígido código de honra dos samurais; desenvolvendo tais características: disciplina, lealdade e habilidade com a katana, a espada samurai.

Sobre o Bushido, Miyamoto Musashi, um famoso samurai japonês, destaca: "Os homens devem moldar seu caminho. A partir do momento em que você vir o caminho em tudo o que fizer, você se tornará o caminho". Como também, destaca as 7 virtudes que todo guerreiro samurai deveria possuir:


GI (義) - Justiça, moralidade, atitude direita, razão correta, decidir sem hesitar;
YUU (勇) - Coragem, bravura heróica;
JIN (仁) - Compaixão, benevolência, simpatia, amor incondicional para com a humanidade;
REI (礼) - Polidez e cortesia, amabilidade;
MAKOTO (誠) - Sinceridade, veracidade total, nunca mentir;
MEIYO (誉) - Honra, glória;
CHUU (忠) - Dever, lealdade, devoção, lealdade.

A classe dos samurais se transformou em casta, sendo uma classe bastante respeitada na sociedade japonesa. Os samurais eram obedientes ao código de honra e não poderiam demonstrar medo ou covardia diante de qualquer situação. Em virtude, da defesa de sua honra, essa classe era muito orgulhosa, tanto que se seu nome fosse desonrado ele executaria o seppuku¹, ato suicida samurai, pois era preferível morrer com honra do que viver sem honra.

Inicialmente, os samurais eram apenas coletores de impostos e servidores civis do império. Era preciso homens fortes e qualificados para estabelecer a ordem e, muitas vezes, contra a vontade dos camponeses. Mas, foi na Era Meiji que a classe samurai foi extinta do Japão, embora alguns samurais ainda estejam vivos até hoje.


"O estilo de vida e a tradição militar dos
samurais dominaram a cultura japonesa durante
séculos, e permanecem vivos no Japão até os
dias de hoje. Milhões de crianças em idade escolar
ainda praticam as habilidades clássicas do
guerreiro, entre elas a esgrima (kendo),
arco-e-flecha (kyudo) e luta corporal desarmada
(jiu-jitsu, aikido). Estas e outras artes marciais, fazem

parte do currículo de educação física no Japão atual.
Hoje o espírito samurai continua vivo na sociedade.
Através desse espírito, que o Japão é hoje uma das
maiores potencias mundiais."

(Bushido on-line)







O dragão japonês foi um dos símbolos herdados da cultura chinesa, onde ele tinha o poder de mudar de forma e tamanho e a capacidade de tornar-se invisível. Mas, na cultura nipônica, a figura do dragão está associado ao samurai, talvez, pela força, honra e a ética que ambos possuem. É muito comum na literatura e nas artes em geral no Japão, chamarem o samurai de dragão ou em suas batalhas (mitos, lendas e contos) contar com o apoio dele em suas missões de honra.

Pensando nessa relação entre o dragão e o samurai, dois modelos de força, eu idealizei esse post. E pesquisando, descobri essa categoria de samurai, o "Samurai Dragão", baseado num site de RPG. Os samurais dragão são guerreiros dedicados que pertencem uma classe auto-escolhida e especial que admira dragões. Eles procuram introduzir a ferocidade dragônica em suas habilidades marciais, adquirindo alguns traços dragonescos. Diferentemente seculares samurais, onde desde a infância são criados para atuar no sistema de vassalagem como guerreiros, os samurais dragão são criados.

Algumas vezes, os samurais se desligavam do seu sistema de vassalagem e abraçavam o clã dragão. Em grande parte, tais samurais não deviam lealdade a ninguém e juravam sua fidelidade a um determinado clã dragão - existem ao todo 10 clãs: "5 clãs de dragões benignos são devotados a cada um dos dragões metálicos, e 5 clãs de dragões malignos que se dedicam a cada um dos dragões cromáticos". Uma vez fidelizados, eles já poderiam iniciar os seus treinamentos nas artes dracônicas de guerra e disciplina. Cada samurai dragão estava ligado a um único clã dragão.




Os samurais dragão possuiam o seu próprio e único código bushido, jurando lealdade e obediência ao seu clã. Se um samurai dragão permanecer leal ao seu código de ética e conduta, com o decorrer do tempo, a chama do dragão desperta em seu interior. Nesse sentido, os samurais dragão eram defensores sólidos e corajosos de seus clãs, onde eles podiam avançar os objetivos secretos de seus clãs, variando desde de uma rápida e simples missão até uma longa e grandiosa cruzada.


__________________

1. O seppuku era um suicídio honrado de um samurai em que usa uma tanto (faca) e com ela enfia no estômago e puxa para cima cortando tudo o que tem por dentro. Uma morte dolorosa e orgulhosa. (Wikipédia)

2 comentários:

  1. Ola isto tem aluma coisa a ver com poderes psi...se tiver indique-me alguns posts por favor
    p.s:admiro muito os teus posts, muito interesantes originais,

    ResponderExcluir
  2. サムライについて何も知らない.申し訳ありませんが、これを言う q 火アカウントだ. の書籍・雑誌の q 幅広い、何もそれは q と思うまたはテ... 1 つの事があなたの頭を通過する教えてください侍がまだ存在する真の血液が静脈の実行ため。ハヨ ・美しいがあなたの献身と私たちの味。私のおしっこの戦士ありがとうございます。しかし、ポルトガルでの生活は、武士は q もご存知でした。6 番目の孫武士の彼女は q eu テが言う何が真の武士ですので

    ResponderExcluir